18996862252

NO AR

CIDADE NOVA FM 24 HORAS

www.cidadenovafm.com

Região

Novembro região fechou com saldo negativo com perda de 638 vagas de trabalho

Publicada em 28/12/17 as 16:30h por GABRIEL BUOSI


Compartilhe
   

Link da Notícia:

A 10ª RA (Região Administrativa) do Estado de São Paulo, que tem Presidente Prudente como sede e é composta por 53 municípios, fechou o mês de novembro com saldo negativo de 638 postos de trabalho. Os dados foram divulgados na manhã de ontem pelo Ministério do Trabalho e fazem parte do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). No mês passado, ao todo, foram 896 demissões contra 258 admissões, o que resultou no saldo negativo do período. Em nível de comparação, outubro fechou com um saldo de 19 novas vagas, sendo 660 contratações contra 641 dispensas.

A pesquisa analisa oito setores e mostra que o segmento que apresentou destaque no número de demissões foi o de indústria de transformação, com um total de 599 empregados dispensados. Em apenas uma cidade, Lucélia, foram registradas 515 demissões. O setor de serviços ocupa o segundo lugar, com menos 102 postos de trabalho, seguido pela construção civil, com menos 96 vagas. Em contrapartida, o setor de comércio foi o único que registrou saldo positivo para contratações, com 272 novos empregos gerados.

Os dados apresentam certa divergência em relação aos números divulgados no mês anterior, outubro. Na época, o setor que mais demitiu foi o de construção civil, que promoveu média negativa de 160 postos encerrados, seguido de agropecuária, extração vegetal, caça e pesca, com -53. No mesmo mês, os setores que mais abriram as portas foram comércio, serviços e indústria.

 

Saldo positivo

Como exposto, comércio foi o único setor que registrou salto positivo para contratações, com um total de 272 empregos. De acordo com o presidente do Sincomércio (Sindicato do Comércio Varejista de Presidente Prudente e Região), Vitalino Crellis, os dados regionais favoráveis seguem na contramão dos apresentados no município no mesmo período, quando o comércio teve poucas contratações, mas são sinônimos de esperança. "Noto que o cenário já apresenta avanços e melhoras em relação ao difícil período que enfrentamos. É bom ver o desempenho da região e que pode refletir diretamente na nossa cidade", informa.

Segundo Vitalino, vestuários e calçados e o setor de eletrodomésticos foram possivelmente os responsáveis pelo saldo positivo da região e os novos empregados podem e devem se manter esperançosos. "Muitas das contratações temporárias para o fim de ano, que resultaram nos números de novembro, serão fixadas após as festas, no fim de janeiro. Portanto, é possível que os números permaneçam bons e não caiam", acrescenta.

 

Desempenho negativo

O setor de indústria de transformação foi o que mais demitiu na região de Presidente Prudente, com 599 dispensas. Conforme o diretor regional do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), Wadir Olivetti Júnior, os números são preocupantes e revelam que em algumas cidades, como Lucélia, que teve o fechamento de 515 postos de trabalho, passam por situações difíceis. "É uma situação negativa e revela que muitas pessoas ficaram sem emprego. Demissões são sempre ruins e podem se tornar um problema para as famílias que se tornam vulneráveis".

Wadir salienta, porém, que a situação deve ser estabilizada a partir de janeiro do próximo ano, já que a economia tem registrado reação e deve influenciar diretamente nos números de contratações e demissões, quando as empresas retomam ou melhoram as atividades.





Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.







LIGUE E PARTICIPE

18-996862252

Visitas: 1144519
Copyright (c) 2018 - Cidade Nova FM - Obrigado Pela Visita